Sinop cria grupo de trabalho coordenado por biólogo do Ministério da Saúde para prevenir e combater doença

Foram notificados 2.458 casos de dengue no município em 2019 e uma morte por dengue hemorrágica.

Em 09/01/2020 02:41:00 na sessão Cidades

Em 2019, foram notificados 2.458 casos de dengue em Sinop, a 503 km de Cuiabá. Destes 722 foram confirmados, sendo que um deles levou à morte de uma criança diagnosticada com dengue hemorrágica. O alto índice de casos da doença levou a Prefeitura de Sinop a criar uma sala de emergência para elaborar e colocar em prática ações que possam prevenir e combater a doença.

Fazem parte desse grupo de trabalho servidores das secretarias de Saúde, Meio Ambiente, Educação e Obras.

Um biólogo cedido pelo Ministério da Saúde ao município coordena os trabalhos.

Grupo foi criado nesta semana -- Foto: Prefeitura de Sinop-MT/ Assessoria

Entre as ações já estabelecidas está o aumento do número de equipes que atuam em ações de bloqueio em áreas prováveis de transmissão.

Ações de conscientização da população fazem parte do trabalho. Segundo a prefeitura, mais de 80% dos casos de dengue são encontrados nas casas.

Donos vão ser multados por sujeira em terrenos -- Foto: Prefeitura de Sinop-MT/ Assessoria

O município diz que vai fazer a limpeza de áreas públicas institucionais sob sua responsabilidade, priorizando-as, bem como em valas, valetas e bueiros.

Nos terrenos particulares, o município deve aplicar multas em caso de sujeira.

Ainda neste mês deve ser feito um mutirão para o recolhimento de entulhos e materiais potenciais criadouros de larvas do Aedes aegypti, mosquito transmissor da doença.

Denúncias de imóveis e locais com suspeita de entulho acumulado e foco de dengue devem ser feitas pelo (65) 3511-1829 ou pelo aplicativo de celular Se liga Sinop.

Fonte: G1 MT 



Por Olhar Cidade 09/01/2020 02:41:00

Mais notícias da sessão: Cidades