Aumenta mais de 100% o número de infectados com AIDS em Sinop, diz secretaria

Entre as pessoas que têm a doença, o número é maior entre homens, com 31 casos. Já entre as mulheres, são 11. A maior incidência é na faixa dos 20 a 34 anos, registrando 28 casos.

Foto: Só Notícias/arquivos

A secretaria municipal de Saúde informou que no ano passado foram registrados 42 casos de pessoas com Síndrome de Imunodeficiência Adquirida. Em comparação com 2019, o aumento é de 110%, quando foram diagnosticados 20 casos.

Entre as pessoas que têm a doença, o número é maior entre homens, com 31 casos. Já entre as mulheres, são 11. A maior incidência é na faixa dos 20 a 34 anos, registrando 28 casos.

Costa ainda no detalhamento quem entre as gestantes, são 10 casos, que variam entre mulheres de 16 e 33 anos. Há ainda 14 crianças que foram expostas ao HIV, ou seja, aquelas nascidas das mães já infectadas ou que tenham sido amamentadas por mulheres com a doença.

Em Sinop, o tratamento das doenças de condições crônicas e infecções sexualmente transmissíveis é feito pelo Serviço de Assistência Especializada em HIV/Aids, localizada na avenida das Itaúbas, no centro.

Fonte: Só Notícias

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *