Identificada mulher assassinada em Sinop marido é suspeito

De acordo com a funerária Luz e Vida, não haverá velório e o sepultamento está previsto para esta manhã. Arlete foi encontrada morta pelos proprietários da casa onde morava de aluguel.

Foto: Arquivo pessoal

O corpo da mulher em avançado estado de decomposição localizado na quinta-feira à noite em uma residência na região da comunidade Silvia é de Arlete Cardoso da Silva, de 30 anos. O reconhecimento foi feito pela mãe da vítima. Já o marido de Arlete, de 51 anos, foi apontado pelos policiais como suspeito do assassinato. Ele ainda não foi localizado.

De acordo com a funerária Luz e Vida, não haverá velório e o sepultamento está previsto para esta manhã. Arlete foi encontrada morta pelos proprietários da casa onde morava de aluguel. Eles relataram à polícia que alugaram o imóvel no último dia 10 do mês passado e resolveram entrar no imóvel após estranhar a ausência do casal e sentir um forte cheiro vindo da casa.

Conforme Só Notícias já informou o perito criminal, Edson Gomes explicou que “bem provavelmente que foi homicídio. O corpo estava embaixo da cama, mas estava em avançado estado de decomposição, então só o médico legista para dizer a causa da morte. Não havia nada de diferente no local, a casa estava fechada e organizada. Provavelmente já estava morta há uma semana”.

Fonte: Só Notícias

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *